Siga-nos nas Redes Sociais

Nem tudo é bullying!

O QUE É BULLYING? QUAIS AS MANEIRAS DE PREVENÇÃO E COMBATE A ESTE CONFLITO?
Por Carolina Giannoni Camargo

Bullying é uma situação de agressão física e/ou psicológica entre pares e possui características que o diferencia de outros tipos de violência existentes dentro das escolas, tais como: intencionalidade, freqüência nas agressões, gratuidade e conseqüência.

O autor de bullying, aquele que comete as agressões, possui a intenção clara de se destacar e, para isso, escolhe o caminho da violência para ser o valentão da turma.

O fenômeno é repetitivo, a criança que sofre com o bullying vivencia tais situações constantemente e quando ocorre na escola, a freqüência das agressões pode ser diária.

O alvo, aquele que recebe as agressões, não precisa ter provocado o autor para que este se sinta no direito de agredi-lo fisicamente e moralmente, portanto o bullying é uma violência gratuita.

Não existe bullying sem conseqüências. Podemos dizer que a diferença está na gravidade entre elas, uma vez que existam conseqüências que vão desde a desconcentração nas atividades escolares até mesmo a assassinatos e suicídios.

Como prevenir?

Por meio de projetos eficazes: as escolas devem capacitar seus educadores e funcionários, envolver os alunos dentro do projeto para que se sintam parte e responsáveis por ele, fazer palestras constantemente, convidar os pais para participarem, passar dicas de como os pais devem agir em casa evitando que seus filhos se envolvam com o fenômeno, convidar profissionais capacitados e experientes com o fenômeno bullying como apoio durante o projeto.

Como combater?

Caso existam pessoas já envolvidas com o bullying é preciso unir pais e escola, para que juntos possam decidir quanto ao encaminhamento psicológico, estratégias pontuais e a implantação do projeto de prevenção, para assim evitar que outros casos apareçam.

Podem copiar, mas não esqueçam de colocar a referência:
"Camargo, Carolina Giannoni. O que é bullying? Quais as maneiras de prevencao e cobate a este conflito? Em: . Acessado em: dia de acesso."

Um comentário:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!