sábado, 2 de outubro de 2010

Bullying ou uma simples brincadeira?

Olá Amigos...

Qualquer apelido pode ser caracterizado como bullying? Não posso mais chamar meu amigo por seu apelido porque senão estarei cometendo bullying? Não posso mais brincar com um amigo?

Essas são algumas perguntas que freqüentemente me fazem, então, como diferenciar o bullying de uma simples brincadeira?

Primeiro: a brincadeira só existe caso todos os envolvidos se divertem. Se não há diversão para uma das partes, não há brincadeira. Isso vale para apelidos também. 

Segundo: quando cometo alguma brincadeira de mau gosto ou, até mesmo, invento algum apelido a um amigo, e este não gosta, tenho duas opções: 

1ª- parar com o apelido e/ou brincadeira, já que percebi que não foi uma atitude legal da minha parte, ou percebi que mesmo sendo legal para mim, o meu amigo não gostou...

2ª- continuar e praticar o bullying, já que há a intenção da minha parte, há a freqüência nas minhas ações e, logo, haverão conseqüências para meus atos...

É importante lembrar que todos possuem o direito de não gostar de determinada pessoa. porém, ninguém possui o direito de agredi-la por conta da sua opnião, gosto, características, etc...

Os autores de bullying e cyberbullying e, aqueles que pensam em praticar este crime devem refletir sobre algumas questões:
·      
        *  E se alguém inventasse algum apelido para você, aquele apelido que te faria ficar humilhado, constrangido, doente, e publicasse na net e/ou espalhasse para escola inteira... Como se sentiria?
·       
        * Por que você precisa ridicularizar alguém perante seus amigos para assim poder se destacar? Você não consegue se destacar sozinho? Será que não está na hora de pedir ajuda?
·       
        * As suas palavras podem levar uma pessoa à morte ou a um sofrimento terrível. Como se sentiria ao saber que você destruiu alguém?
·       
        * Mandar e humilhar a galera da escola é fácil para você, mas será sempre assim? E no seu trabalho como será que vai ser?
·        
        * Por que você não utiliza a sua fama de “popular” para fazer algo de bom para a escola? Aposto que terá mais amigos de verdade ao seu lado e não pessoas que fingem ser amigas para não tornarem-se seus futuros alvos...

Vamos lá pessoal... todos contra o bullying! 
Quem precisar de ajuda:
contato.bullying@yahoo.com.br ou deixe seu depoimento aqui no Blog!

Abraços,
Carolina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!

Atendimento On Line

Você também precisa de orientação para solucionar um caso de bullying? Você é o responsável por uma criança que está sofrendo bullyin...