segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Vídeo Polêmico - Rafinha Bastos

Oi pessoal,

Tem muita gente me escrevendo sobre um vídeo – do comediante Rafinha Bastos – que está disponível aqui neste post para vocês darem uma olhadinha e entenderem melhor a polêmica sobre ele...

Algumas pessoas condenaram, outras disseram apenas ser uma brincadeira para chamar a atenção sobre o assunto, bullying. Sobre o vídeo, tenho algumas considerações a fazer:

  *   Um comediante, ao falar sobre um assunto sério (minha opinião) gera um contraste que considero positivo, pois chama a atenção das pessoas e, neste caso, mostra que bullying não é brincadeira nem para os mais brincalhões.
  *     Porém, o próprio comediante, ao chamar o homem que aparece no vídeo de gordo e idiota, deixa dúvida sobre o significado do bullying, pois confunde os espectadores. Afinal, nem toda ofensa, xingamento e humilhação é bullying. Este fenômeno possui características próprias, como por exemplo, a freqüência (repetição).
Como o vídeo não deixa claro a sua finalidade - apoiar ou criticar o bullying - as diferentes interpretações sobre o vídeo me deixam preocupada. Ouvi comentários dizendo que o comediante quis mostrar, por meio do vídeo, que "bullying faz parte do ser humano! Afinal, quem não pratica bullying!?" O que é um tremendo ABSURDO... Uma coisa é você brigar, “explodir” de vez em quando. Outra coisa é você praticar bullying.
* Considero válidas todas as iniciativas que ajudam no esclarecimento do assunto. Existe uma preocupação muito grande de não banalizarmos o termo bullying. Portanto, os vídeos devem ser claros, ajudando de fato na prevenção ao fenômeno.

Assistam ao vídeo e deixem sua opinião.
Para os professores, este vídeo pode ser bem bacana para iniciar um debate com os alunos sobre bullying. Valeu!

Carolina Giannoni Camargo
contato.bullying@yahoo.com.br  
 

8 comentários:

  1. Concordo com voce, este video tem um conteudo duvidoso, facilitando que uma pessoa leiga do assunto confunda ou nao entenda a verdadeira definiçao do bullying, levando-o a banalizaçao....
    parabens pelo site!!!

    ResponderExcluir
  2. podiam fazer algo mais legal pelo bulling, já que ele é bacana, mas optarou por isso, deu a entender que saba pouco sobre, o assunto, apenas quem passou pelo bulling sabe a dor que é - VEJA O COMENTÀRIO DO AMIGO DELE GENTILI UM OFENSA

    ResponderExcluir
  3. É, e mais uma vez as pessoas fazendo piada com coisa séria!!! A frase do final "bullyng, as vezes não dá pra segurar", deixou dúvida acerca da mensagem que o comediante tentou ou não tentou passar, né? Ao meu ver, ficou entendido que o comediante quiz dizer que é "duro aturar um gordo, etc..."...não sei, se teria que dar uma nota ao video sobre a mensagem seria nota 0, comediante fazendo piada com coisa séria não dá para engolir!
    Grande beijo Carol!
    O blogg está nota 1.000!!!

    ResponderExcluir
  4. ele é um babaca ri por que naum é ele. Piadinha de mal gosto!

    ResponderExcluir
  5. Olá
    Seu blog me ajudou muito,pois prciso escrever um artigo sobre bullyng e aqui encontrei referências.
    Vou seguir.

    ResponderExcluir
  6. Muito Obrigada Lidia! Fico feliz com o carinho, aproveite o blog e compartilhe conosco suas pesquisas!

    Abraco,
    Carolina Giannoni Camargo

    ResponderExcluir
  7. O grande problema está, acredito, no fato de que muitos não entenderão o conteúdo do vídeo e ele surtirá efeito contrário.
    Acredito que o bullying não seria um problema se os pais dos agressores não tivessem uma postura tão protetora em relação aos seus filhos. Sou mãe de uma linda moça que aprendeu na marra a respeitar os colegas: Fez, aos 13 anos, uma comunidade no orkut chamando uma coleguinha de Chuk o binquedo assassino. Quando descobri não apenas fiz com que excluísse, mas que fosse pedir desculpas à mãe da menina e a própria, não sem antes aplicar-lhe um castigo severo. Valeu a lição, pois também passei horas exaustivas explicando que TODAS AS PESSOAS MERECEM RESPEITO, por que gente é gente, seja qual seja sua cor, postura sexual, religiosa, aparência.
    Pais de agressores que não tomam provid~encias a respeito deveriam ser incriminados judicialmente sempre.

    ResponderExcluir
  8. A frase "bullyng, as vezes não dá pra segurar", é só uma forma de mostrar que inconcientemente ou não, a gente deixa escapar...
    a polêmica que ele pode ter deixado é que bullyng está presente em qualquer lugar, principalmente nas escolas entre os adolescentes. Agora como foi postado aí já, basta começar em casa a educação que se deve ter. Não gosta de alguém, deixa essa pessoa quieta, não tem necessidade de querer ridicularizar tal pessoa em face de seus colegas!
    paz e bem!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Atendimento On Line

Você também precisa de orientação para solucionar um caso de bullying? Você é o responsável por uma criança que está sofrendo bullyin...