Siga-nos nas Redes Sociais

Alemanha - Ex aluno mata "16" em escola (parte 3)


Completando quase 24 horas depois dos espisódios trágicos ocorridos na cidade de Winnenden na Alemanha, a polícia esclarece um pouco mais o que realmente aconteceu. E mais, aponta um novo desfecho para o caso: O garoto atirador cometeu suicídio!

Ontem, nessa pequena cidade próxima a Stuttgart o menino de 17 anos Tim Kretschmer, vestindo uniformes pretos (camuflados tipo de compate), abriu fogo em sua antiga escola matando 10 alunos e 3 professores, deixando mais 10 feridos. No caminho, logo na saída da escola fez mais uma vítima fatal. Fugiu para outra cidadezinha à 40 Km de Winnenden e durante o tiroteio com a polícia matou mais 2 pessoas (pedestres). Depois, se suicidou.
17 mortes no total em mais um dos muitos episódios trágicos envolvendo bullying. Segundo depoimentos Tim Kretschmer não era um garoto popular e nem quieto demais. Tinha amigos, era inteligente, tirava boas notas e considerado um "doce" para uma colega de escola.
Seus pais colecionavam armas dentro de casa, todas registradas, e uma delas havia sumido da coleção. Foi com esta que Tim tirou a vida de 16 pessoas e a própria.
Os motivos que levaram Tim a cometer estes atos violentos ainda não foram divulgados. Não devemos julgar antes de saber os fatos, por isso aguardo mais notícias sobre o caso.

Um comentário:

Deixe seu comentário!